Notícias dos Animais

31/AGO /2014Associações portuguesas lamentam aumento de abandono de animais e redução de adoções 

 

Associações portuguesas lamentam aumento de abandono de animais e redução de adoções

O número de animais deixado à porta de associações de apoios e canis tem aumentado. É uma tendência que não para de crescer e que, associada à queda abrupta do número de adoções, pode ser preocupante. Segundo o Jornal de Notícias (JN), as desculpas para abandonar um animal multiplicam-se.

Em 2007, 800 animais da SOS Animal conseguiram um lar e uma família nova. No ano passado, apenas 48 tiveram essa sorte. A queda gigantesca do número de adoções animal tem sido uma tendência nos últimos anos e não há, para já, nada que leve a prever o contrário.

Segundo o Jornal de Notícias (JN), existem cada vez mais animais abandonados nas ruas portuguesas. Muitos são deixados à porta de instituições e associações de apoio animal, algumas delas já lotadas e obrigadas a abrir exceções.

E as desculpas para entregar ou abandonar um animal multiplicam-se. Desde a crise, à falta de emprego, ao divórcio, passando pela alergia de um dos membros da família ou mesmo a emigração, são muitas as escusas dadas para deixar de ter o animal a cargo. E existem ainda os casos de pessoas que alegam não saber lidar com um animal doente.

Para a vice-presidente da SOS Animal, "a adoção perdeu 70% e o abandono ilegal terá duplicado".

*Esta notícia foi escrita, originalmente, em português europeu e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores.

  • Nenhum comentário
  • Envie seu comentário

 

 

 

 

 

Rua Fernão Dias, 1281 | Vila Adileta, Assis - SP | 18 3323-4355 / 3323-8048 / 9705-7964

© Cia das Patas - Pet Shop e Clínica Veterinária

Desenvolvimento: Key Webmarketing